As coisas mudaram, radicalmente 😷

Uma coisa que é irrefutável é que todo mundo muda, apesar do que o Dr. House diz. Eu mudei muito de Novembro do ano passado para cá. Hoje, sou Kpopper e Dorameira com muito orgulho e quero ser Médica Cirurgiã além de Escritora, as coisas mudaram mesmo. Ano que vem vou para uma nova escola, com novos colegas (alguns que já conheço e não vão muito com a minha cara). Eu estava com muito medo das coisas mudarem com as minhas amizades, mas descobri que as coisas não são bem assim.

Vamos dizer: Hipoteticamente, tenho uma amiga chamada Alice (não é o nome dela tá), ela é minha amiga há 3 anos e ao contrário de mim é super popular entre as pessoas da escola e do nosso condomínio. Nosso gosto para amizades é completamente diferente, e ela é amiga de pessoas das quais eu tenho completa aversão (e elas a mim). Ela vai comigo para a nova escola e eu tinha medo das coisas mudarem porque ela conhecia um monte de gente lá. Íamos (ou vamos) estudar em salas diferentes, e eu achava que ela não estava nem aí para isso, mas depois ela mostrou que nossa amizade era importante para ela e me senti aliviada.

Tenho outra amiga chamada Yerin que é completamente desastrada e muito engraçada, ela vai mudar de cidade e eu também tinha medo das mudanças, mas depois de conversar com ela concluí que isso não iria prejudicar nossa amizade.

E tenho outra amiga também muito importante chamada Wendy, que morava no mesmo condomínio que eu antes de eu me mudar e eu lembrara a ela de o quanto nossa amizade é importante.

Lições de hoje: Mudanças podem sem boas e nunca deixe uma amizade verdadeira escapar.

Eu estava, sim, muito dramática no dia em que falei essas coisas para elas 🦄

Anúncios

A ilusão de uma Princesa

Vou falar de um assunto muito polêmico, mas muito comum e que necessita ser discutido. Deve-se incentivar uma menina á ser princesa?”

Na minha opinião, não. Porque? Ser princesa significa ser submissa e viver para agradar, fazer um milhão de coisas por pura educação sem a mínima vontade, não ter vontade própria, ter de sorrir o tempo todo e ligar para coisas fúteis, insignificantes e ligar para o que as pessoas dizem á seu respeito.

Algumas princesas atuais, como a Merida, a Elsa e a Tiana são independentes e fortes, mais pensa que elas não tem que manter a imagem diariamente?!? Para a Elsa e para a Tiana não deve ser muito difícil, mas eu sou #TeamMerida e não suporto esse estilo de vida, seguindo os padrões sociais.

Pocahontas e Mulan são um exemplo á seguir! Pocahontas não sacrifica tudo pelo seu amor, Mulan está á frente do machismo e das tarefas que a sociedade nos impõe, ela é forte e imponente.

Quem nunca ouviu, “nos conquistamos o homem pelos olhos”? Que coisa triste gente! Acima de tudo, vem o coração! Tudo bem se produzir para aquela pessoa especial, mas isso é o de menos!

Enfim, concluímos que não é bom incentivar crianças a serem fúteis, submissas e quietas diante de qualquer situação, é preciso educar as novas gerações para fazer do mundo um lugar melhor.

E, como no final de tudo, tem que ter uma recomendação de livro, não é gente? Hoje, apresento á vocês o: “Porque só as princesas se dão bem?” da Thalita Rebouças, que apresenta para as crianças a realidade de uma princesa para manter as aparências.

Lê ❤

Um pouco mais sobre mim

Vim falar sobre meus sonhos… Coisas simplesmente fundamentais na minha vida! Sonho em ser professora de Literatura(Redação e Filosofia) e artista reborn, mas o que é a arte reborn?

Arte Reborn é a arte de produzir bebês que se pareçam cada vez mais, com bebês de verdade. Hoje as grandes escultoras utilizam materiais de vinil e silicone que fazem com que as bonecas fiquem mais delicadas ao toque, se assemelhando cada vez mais à pele humana. Esse material é colocado em formas e se moldam de acordo com as linhas de expressão, dobrinhas, detalhes da boca, língua, olhos, orelhas e tudo mais. Os dedinhos se mexem e todo o bebê fica muito macio. Assim se torna necessário encher os espaços com espumas, algodão acrílico e muitos recursos para dar o peso necessário ao bebê.

Fonte: http://www.erikabodolay.com.br/o_que_e_arte_reborn 🙂